Moldávia

Moldávia: Milhares exigem renúncia do Governo

Moldávia: Milhares exigem renúncia do Governo
Moldávia: Milhares exigem renúncia do Governo REUTERS - VLADISLAV CULIOMZA

Milhares de manifestantes juntaram-se este domingo, em Chisinau, respondendo assim ao apelo da nova presidente eleita pró-europeia, Maïa Sandu. Exigem a renúncia do Governo e a dissolução do parlamento.

Publicidade

Pelo menos 50.000 manifestantes marcaram presença no protesto no centro da capital moldava, segundo estimativa comum da organização e da agência de notícias AFP, gritando "Demissão!", "Eleições antecipadas! e "Abaixo os ladrões, abaixo a corrupção!"

Maïa Sandu deve assumir a chefia do Estado no final deste mês de Dezembro, depois de, com alguma surpresa, ter vencido as eleições presidenciais, em Novembro, batendo o candidato pró-russo Igor Dodon.

Já esta semana a oposição tinha saído à rua em protesto nesta pequena ex-República soviética, situada entre a Ucrânia e a Roménia. Contestando as novas leis pós-eleitorais que reduzem os poderes presidenciais. Maïa Sandu e os seus apoiantes consideram tratar-se de uma forma de reduzir o papel da Presidência, em detrimento do Parlamento, controlado por Igor Dodon.

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI