Acesso ao principal conteúdo
Futebol

Caito Teixeira, novo presidente da Federação de Futebol da Guiné-Bissau

Caito Teixeira, novo Presidente da Federação de Futebol da Guiné-Bissau
Caito Teixeira, novo Presidente da Federação de Futebol da Guiné-Bissau © Mussá Baldé
Texto por: Mussá Baldé
5 min

Cai o pano sobre a disputa eleitoral para presidência da Federação de Futebol. Carlos Teixeira, mais conhecido por Caito Teixeira, antigo jogador profissional em Portugal e na Suíça, antigo médio da seleção guineense, é o novo presidente da Federação para um mandato de quatro anos.

Publicidade

Empresário do comércio e turismo, antigo comentador desportivo e dirigente de clubes de futebol guineense, Caito Teixeira guindou-se agora como líder do mais popular desporto da Guiné-Bissau.

A tarefa não será fácil, conforme reconhece o novo presidente da Federação, uma vez que o anterior líder federativo, Manuel Lopes, banido pela FIFA durante dez anos, conseguiu levar a Guiné-Bissau ao CAN - Campeonato Africano das Nações - por duas vezes consecutivas.

Além da herança de Manuel Lopes, Caito Teixeira tem pela frente uma situação de restrições financeiras impostas pela FIFA, principal financiador do futebol guineense, e ainda guerras fratricidas entre dirigentes do futebol.

Nas suas primeiras declarações prometeu unir a família do futebol e enterrar o machado de guerra.

A prova do fogo do novo presidente da Federação de futebol guineense é já no mês de novembro quando os Djurtus, a seleção nacional, defrontarem o vizinho Senegal em jornada dupla para o apuramento para o CAN2021.

Mais pormenores com o nosso correspondente, Mussá Baldé.

 

Correspondência de Mussá Baldé 30-09-2020

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.