Acesso ao principal conteúdo
GUINÉ-BISSAU

Guiné-Bissau: Presidente quer reformas na função pública

José Mário Vaz, presidente da Guiné-Bissau
José Mário Vaz, presidente da Guiné-Bissau CELLOU BINANI / AFP
Texto por: RFI
1 min

O presidente guineense quer reformas na função pública. José Mário Vaz está preocupado com o aumento da massa salarial.

Publicidade

O chefe de Estado guineense apresentava cumprimentos de ano novo a vários órgãos de soberania tendo alertado o executivo de Umaro Sissoco para o actual cenário da função pública na Guiné-Bissau.

Diz que quando saíu do Governo, enquanto ministro das Finanças, em 2012, a massa salarial era de 2,1 mil milhões de francos CFA e hoje situa-se na ordem de quatro mil milhões o que considera de incomportável com a economia nacional.

José Mário Vaz exorta o Governo a avançar com as reformas na Função Pública.

Confira aqui a crónica de Bissau de Mussá Baldé.

 

Correspondência de Bissau

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.