Acesso ao principal conteúdo
Guiné-Bissau

PM guineense Umaro Sissoko: "Marcel de Souza mentiu"

Umaro Sissoko Embaló primeiro ministro da Guiné-Bissau
Umaro Sissoko Embaló primeiro ministro da Guiné-Bissau DR
3 min

O primeiro ministro guineense Umaro Sissoko Embaló afirma que Marcel de Souza presidente da comissão da CEDEAO, é irresponsável e mentiu quando disse ter instruções dos seus pares para pressionar o Presidente José Mário Vaz.

Publicidade

Em entrevista esta terça-feira (7/03) à RFI o presidente da comissão da CEDEAO, o beninês Marcel de Souza afirmou ter recebido instruções dos chefes de Estado da organização regional, no sentido de pressionar o Presidente José Mário Vaz a aplicar o Acordo de Conacri, ameaçando-o com a retirada precoce dos 543 soldados da ECOMIB da Guiné-Bissau já a partir do mês de Abril.

O primeiro ministro Umaro Sissoko Embaló começa por referir que "a  ECOMIB aqui não faz falta, temos as nossas forças de defesa e de segurança...para mim a declaração [de Marcel de Souza] é irresponsável, porque o presidente da comissão não pode pressionar um Chefe de Estado eleito, quem decide na CEDEAO é a cimeira de Chefes de Estado e de governo"

Quanto ao facto de Marcel de Souza ter afirmado ter recebido instruções dos chefes de Estado da sub-região para pressionar o Presidente José Mário Vaz, o primeiro ministro guineense é taxativo "é mentira, é pura mentira". 

Umaro Sissoko Embaló será o nosso Convidado esta quinta-feira, 9 Março 2017.

Umaro Sissoko Embaló, primeiro ministro guineense

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.