Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Polícia de Cabo Delgado não sabe se jornalista desaparecido está morto

Ibraimo Abu Mbaruco,Jornalista moçambicano, continua desaparecido e polícia criminal diz que familiares acreditam  que ele estaria morto.
Ibraimo Abu Mbaruco,Jornalista moçambicano, continua desaparecido e polícia criminal diz que familiares acreditam que ele estaria morto. © MISA-Moçambique
Texto por: Orfeu Lisboa
3 min

A polícia de Cabo Delgado, no norte de Moçambique, informou hoje à imprensa desconhecer se o jornalista moçambicano da Rádio comunitária de Palma, Ibraimo Mbaruco, está morto, conforme afirma sua família. O jornalista está desaparecido desde 7 de abril e o porta-voz da polícia do comando desta província do norte moçambicano, sublinha não ter as informações da família. 

Publicidade

Já lá se vai uma semana desde o desaparecimento do jornalista Ibrahim Mbaruco da Rádio comunitária de Palma. A família acredita num fim trágico, revelou à imprensa o porta-voz da polícia em Cabo Delgado, Augusto Guta.

"Não conseguimos reencontrar nenhum rastro desse cidadão, mas por fontes familiares ouvimos que esse cidadão já estaria morto. Nós desconhecemos estas informações." 

Augusto Guta confirma a nota de ocorrência que deu entrada no comando da polícia de Cabo Delgado na noite do dia 7 de Abril.

"(...) No momento do desaparecimento deste cidadão de nome iIbrahim Mbaruco, através de fontes familiares, ele teria sido interpelado por um grupo de polícias e militares". 

Ibraimo Mbaruco é jornalista da Rádio comunitária de Palma e está desaparecido faz hoje sete dias.

Correspondência de Orfeu Lisboa sobre jornalista desaparecido no Norte d Moçambique, 14/4/2020

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.