Acesso ao principal conteúdo
Moçambique/SADC

Moçambique acolhe Centro de Emergência Humanitária da SADC

Moçambique vai acolher o Centro de Emergência Humanitária da SADC.
Moçambique vai acolher o Centro de Emergência Humanitária da SADC. AFP
Texto por: RFI
4 min

Moçambique vai acolher o Centro de Emergência Humanitária da Comunidade dos Países para o Desenvolvimento da África Austral. A decisão foi tomada ontem pelos chefes da diplomacia da SADC, reunidos em videoconferência; que reconheceram a propensão do país para as catástrofes naturais.

Publicidade

A informação foi avançada pela Ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação de Moçambique, Verónica Macamo, que adiantou que a propensão do país às catástrofes naturais terá pesado na decisão.

“Nós somos um país propenso a desastres naturais, por causa da nossa localização geográfica. Também temos nove rios que atravessam vários países, por causa disso somos, se calhar, o melhor local, mas também somos o melhor local por termos a experiência. Felizmente já temos essa decisão, o centro humanitário vai localizar-se em Moçambique”, explicou.

A responsável pela diplomacia moçambicana espera que o centro possa, no futuro, alertar os países em situações de perigo, mas que seja igualmente capaz de providenciar uma resposta na eventualidade de novas catástrofes naturais assolarem a região.

“Queremos um centro que faça estudos e possa até avisar-nos quando há situações que possam constituir um problema, mas também ver que tipo de apoio se pode dar mais tarde, havendo já situações”, concluiu.

Os chefes da diplomacia da Comunidade dos Países para o Desenvolvimento da África Austral, reuniram-se ontem videoconferência, manifestaram ainda preocupação com o terrorismo que assola a província de Cabo Delgado, no norte do país.

Em dois anos e meio de conflito estima-se que já tenham morrido, pelo menos, 600 pessoas e que mais de 200 mil já tenham sido obrigadas a procurar refúgio em lugares mais seguros.

Esta semana, o representante interino da Alto Comissariado das Nações Unidas (ACNUR) para os Refugiados em Moçambique disse que o abrigo é a principal necessidade dos deslocados devido a violência armada em Cabo Delgado, norte de Moçambique.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.