Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Realizador moçambicano integra lista de La Fabrique para novo filme

Áudio 13:08
Realizador moçambicano, Inadelso Cossa
Realizador moçambicano, Inadelso Cossa © Inadelso Cossa
Por: Lígia ANJOS

Inadelso Cossa faz parte da lista de 10 cineastas seleccionados pela Fabrique des cinémas du monde, uma iniciativa do Institut français durante o Festival de cinema de Cannes que apadrinha projectos cinematográficos em curso. O realizador moçambicano prepara a sua segunda longa metragem.

Publicidade

No quadro do marcado do filme on-line do festival de Cannes, o instituto francês e parceiros abriram um pavilhão virtual do Cinema do Mundo com vista a apresentar projectos dos laureados da La Fabrique Cinéma.

La Fabrique expõe projectos para a indústria cinematográfica,"um espaço ideal para projectos com a missão de se tornar global", descreve o realizador. 

Entre os 12 projectos seleccionados encontra-se o primeiro projecto moçambicano "As Noites Ainda Cheiram a Pólvora" de Inadelso Cossa, o realizador moçambicano "são vozes do sul que não são ouvidas e agora conseguem gritar".O cineasta afirma ser "uma honra estar neste palco mundial do cinema".

O realizador moçambicano, Inadelso Cossa, de 35 anos foi um dos 819 artistas e executivos convidados pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas para integrar a organização em 2020. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.