Moçambique

Moçambique não confirma detenção de líder de organização terrorista

Bernardino Rafael, Comandante da Polícia em Maputo
Bernardino Rafael, Comandante da Polícia em Maputo RFI/Orfeu Lisboa

O comandante-geral da polícia de Maputo, Bernardino Rafael, não confirmou as informações a circular nas redes sociais que dão conta da detenção em Moçambique de um líder de uma organização terrorista.  

Publicidade

"Temos acompanhado essas notícias através das imagens que circulam nas redes sociais. Estamos a trabalhar nas fronteiras para saber se terá sido detido o líder terrorista que tenha entrado no nosso país. Até este momento, não confiramos a detenção de nenhum líder terrorista que tenha entrado no nosso país", afirmou esta segunda-feira o comandante-geral da polícia em Maputo.

No entanto, Bernardino Rafael confirma que as autoridades moçambicanas continuam a trabalhar com vista a apurar a veracidade da informação.

Quanto ao locutor e jornalista da rádio comunitária de Palma, Ibraimo Mbaruco desaparecido desde Abril 2020, as autoridades moçambicanas não têm "novas informações".

Ibarimo Mbaruco foi visto pela última vez a 7 de Abril de 2020. O Ministério Público moçambicano está a investigar o desaparecimento do jornalista. Apesar de ter sido aberta uma investigação houve "um atraso de comunicação entre a família e as autoridades", justificou o comandante da polícia.

"Estamos abertos a qualquer investigação para encontrar a verdade porque faz parte da nossa preocupação", garantiu o comandante-geral da polícia em Maputo.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI