#Moçambique/UE/Pandemia

Moçambique: ONG teme desvio de fundos da UE

Comissão Europeia. Bruxelas, Bélgica. 20 de Agosto de 2020.
Comissão Europeia. Bruxelas, Bélgica. 20 de Agosto de 2020. REUTERS/Yves Herman

A organização da sociedade civil Centro para a Democracia e Desenvolvimento vê com desconfiança a aplicação do financiamento de 100  milhões de euros da União Europeia para Moçambique. Os fundos deveriam ajudar a fazer face ao impacto da pandemia de covid-19.

Publicidade

Adriano Nuvunga, do  Centro para a Democracia e Desenvolvimento, reage com  dúvidas  em relação ao destino que o Governo vai dar à ajuda de 100 milhões de euros concedida a Moçambique pela União Europeia para fazer face ao impacto da pandemia de covid-19.

O Governo é corrupto, promove a corrupçao e é elitista no sentido de que o dinheiro não é utilizado para ser canalizado para a população que mais precisa”, declarou Adriano Nuvunga, adiantando o receio que “o dinheiro fique com os chefes e os amigos dos chefes”.

O apoio financeiro da União Europeia para Moçambique  é o primeiro desde a suspensão ao apoio ao orçamento do Estado, depois da descoberta das chamadas  dívidas ocultas.

Moçambique: ONG teme desvio de fundos da UE

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI