Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Autoridades moçambicanas vão apoiar os mais precários perante a crise da covid-19

Vendedoras ambulantes no centro de Maputo no passado mês de Abril de 2020.
Vendedoras ambulantes no centro de Maputo no passado mês de Abril de 2020. LUSA - RICARDO FRANCO
Texto por: Orfeu Lisboa
3 min

Mais de um milhão de pessoas em situação de vulnerabilidade vão beneficiar de um apoio financeiro para fazer face ao impacto negativo da covid-19. A iniciativa que junta a Plataforma da Sociedade Civil para a Protecção Social, o governo e os seus parceiros, enquadra-se no plano de resposta de Protecção Social à covid-19 em Moçambique.

Publicidade

Sérgio Falange, Director Executivo da Plataforma da Sociedade Civil para a Protecção Social, explicou como se vai articular este plano do Ministério do Género, Criança e Acção Social, avaliado em 237 milhões de dólares. "O que prevê este plano é atender às necessidades dos beneficiários por um período de seis meses, numa primeira fase, para receberem um subsídio mensal de 1500 Meticais (cerca de 20 dólares), prevendo atingir cerca de um milhão e quinhentas pessoas", indicou este responsável referindo ainda que se pretende "fazer um acompanhamento sobre os efeitos da situação da covid" para que "as pessoas não possam cair numa situação de maior vulnerabilidade" perante a covid-19. Neste sentido, acrescentou ainda Sérgio Falange, "numa primeira fase vão ser seleccionados os beneficiários em cada província mas a intenção é cobrir cada vez mais pessoas a nível nacional".

A Plataforma da Sociedade Civil para a Protecção Social, o Governo de Moçambique e parceiros reuniram-se hoje em Maputo para avaliar o impacto da covid-19 nas camadas mais vulneráveis bem como discutirem formas de buscarem financiamento para os programas de assistência social.

Refira-se que até ao momento Moçambique registou cerca de 130 mortos e um total de quase 15 mil infecções com covid-19. No âmbito da luta contra a pandemia, medidas de afastamento social foram adoptadas, o que provocou um substancial abrandamento da actividade económica no país, à semelhança do que sucedeu no resto do mundo.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.