Acesso ao principal conteúdo
Moçambique/Cabo Delgado

ACNUR apela à ajuda para apoiar vítimas de terrorismo em Cabo Delgado

Crianças da família de Vicente Tiago que conta 30 pessoas que fugiram dos ataques armados de Muidumbe, Cabo Delgado, e se refugiaram numa pequena casa precária na zona de Chiuba, Cidade de Pemba, 21 de Julho de 2020.
Crianças da família de Vicente Tiago que conta 30 pessoas que fugiram dos ataques armados de Muidumbe, Cabo Delgado, e se refugiaram numa pequena casa precária na zona de Chiuba, Cidade de Pemba, 21 de Julho de 2020. LUSA - RICARDO FRANCO
Texto por: Orfeu Lisboa
4 min

O Alto Comissariado das Nações Unidas necessita com urgência de 11 milhões de dólares para continuar a apoiar as vítimas dos ataques terroristas na província de Cabo Delgado. O apelo foi lançado pela organização que descreve como grave a situação humanitária na província mais a norte de Moçambique.

Publicidade

 

E é para responder às necessidades das vítimas dos ataques terroristas que o Alto Comissariado das Nações Unidas lançou recentemente um apelo internacional. Revela os números a responsável de relações exteriores do ACNUR, Juliana Ghazi.

"A gente tem somente 39 por cento dos nossos requerimentos atendidos até agora. Então falta em media 11 milhões de dólares para que a gente consiga continuar a responder às necessidades dos deslocados internos e das populações locais."

O ACNUR revela que o número de deslocados tem estado a aumentar embora dados governamentais apontem já para acima de 560 mil e pouco mais de 2 mil mortos em três anos.

"Elas se deslocam em várias direcções, tanto para o sul da província de Cabo Delgado quanto também para Nampula, Niassa e Zambézia."

O Alto Comissariado das  Nações Unidas para os Refugiados revela ainda com preocupação o facto de não poder aceder a algumas zonas devido à violência extremista para assistir a mais pessoas.

Ouça aqui a correspondência de Orfeu Lisboa, a partir de Maputo.

Correspondência de Maputo, ACNUR, 26/12/2020

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.