Moçambique/Cabo Delgado

Organizações da ONU tecem alertas sobre situação humanitária em Cabo Delgado

Denise Della Valla, oficial de comunicação no PAM em Moçambique.
Denise Della Valla, oficial de comunicação no PAM em Moçambique. © Liliana Henriques / RFI

Segundo a Organização Mundial da Saúde, mais de 1,2 milhões de pessoas estão a precisar "urgentemente" de ajuda médica na província de Cabo Delgado, no norte de Moçambique, onde nos últimos 3 anos e meio, os ataques de grupos armados "aprofundaram a crise humanitária”, a OMS estimando que precisa de cerca de 3,5 milhões de dólares para cobrir as necessidades das populações deslocadas.

Publicidade

É necessário “intensificar rapidamente a assistência para salvar vidas e aliviar o sofrimento" declarou a directora regional para África da OMS, Matshidiso Moeti ao referir que "a situação de milhares de famílias está a piorar” e que “muitas das pessoas afectadas pela violência dependem da ajuda humanitária para sobreviver”.

Denise Della Valla, PAM Moçambique, sobre a situação humanitária

Também presente no terreno, o Programa Alimentar Mundial (PAM) que até bem pouco tempo assistia essencialmente as populações sinistradas pelos ciclones Idai e Kenneth em 2019, viu aumentar exponencialmente o número de pessoas a precisar de apoio. “O número de pessoas deslocadas aumentou 7 vezes” no espaço de um ano, constata Denise Della Colletta, oficial de comunicação no seio do PAM em Moçambique.

Há 950 mil pessoas em insegurança alimentar no norte de Moçambique “ alerta ainda Denise Della Colletta ao referir que as perspectivas para os próximos meses não são animadoras, particularmente para as crianças. “Cabo Delgado é uma das províncias onde as crianças têm a maior taxa de desnutrição”.

Denise Della Valla, PAM Moçambique, sobre a insegurança alimentar

No passado mês de Dezembro, a ONU fez um apelo à solidariedade internacional na ordem dos 200 milhões de Dólares para socorrer as populações deslocadas devido aos ataques no extremo norte de Moçambique, mas apenas uma pequena parte desse valor foi disponibilizada.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI