Jean Boustani/Caso dívidas ocultas

Moçambique: Jean Boustani disponível para ser ouvido no caso das Dívidas Ocultas

Empresário libanês Jean Boustani, negociador da Privinvest, grupo naval acusado de ter pago subornos a várias figuras envolvidas no caso das 'Dívidas Ocultas'
Empresário libanês Jean Boustani, negociador da Privinvest, grupo naval acusado de ter pago subornos a várias figuras envolvidas no caso das 'Dívidas Ocultas' © DR

Jean Boustani, empresário libanês considerado principal mentor do negócio que deu lugar às dívidas ocultas, está disponível para ser ouvido e esclareceu o caso perante a justiça moçambicana por meio de videoconferência. A decisão divide as opiniões dos advogados de defesa.

Publicidade

A disponibilidade do empresario libanês, Jean Boustani em ser ouvido pela justiça moçambicana no caso das 'Dívidas Ocultas', por videoconferência, foi dada a conhecer por meio de um comunicado, que mereceu reacção por parte de alguns advogados. 

Alexandre Chivale, advogado que requereu ao tribunal judicial da cidade de Maputo a constituição de Jean Boustani como declarante, já reagiu.

Para nós é fundamental na medida em que entendemos ser uma peça chave para a descoberta da verdade material”, defendeu.

Mas Rodrigo Rocha, advogado de um dos réus olha com cepticismo a disponibilidade de Jean Boustani,considerado cérebro das dívidas que lesaram o estado moçambicano em 2.2 mil milhões de dólares. 

Se realmente tivesse essa genuína abertura estava aqui. Ainda que houvesse um processo contra ele, ainda que ele tivesse que enfrentar uma eventual prisão preventiva, mas quem tem uma genuinidade em querer apresentar as instituições vem cá”, referiu.

Para já, o julgamento prossegue pelo décimo dia com a audição da ré Inês Moiane, antiga secretária particular do antigo chefe de estado, Armando Guebuza, que negou ter sido subornada pela Privinvest. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI