MOÇAMBIQUE

Moçambique: 5 milhões de cartões SIM bloqueados

Os detentores de cartões SIM não registados só podem receber chamadas e mensagens de terceiros.
Os detentores de cartões SIM não registados só podem receber chamadas e mensagens de terceiros. DR

Pouco mais de cinco milhões de cartões SIM de três operadoras de telefonia móvel, não registados, foram bloqueados desde o dia 1 de Dezembro, em cumprimento da determinação do Instituto Nacional das Comunicações de Moçambique (INCM).

Publicidade

A entidade reguladora ordenou às três operadoras de telefonia móvel (MCEL, VODACOM e MOVITEL) de proibir a realização de chamadas e envio de mensagens SMS nos números não inscritos, a partir de dia 30 de Novembro. Os detentores de cartões SIM não registados só podem receber chamadas e mensagens de terceiros.

O processo de registo de cartões começou em 2010 e, até aqui, pouco mais de 12 milhões de subscritores estão registados em conformidade com a lei, avança o INCM. O instituto acrescenta também que vários dos utentes cujos cartões foram bloqueados estão registados, mas que ainda não estão inseridos na base de dados devido a uma saturação dos sistemas de informação.

João Matias, gestor de subscrição pré-pago na Vodacom, reconhece constrangimentos que a medida já está a criar para a empresa, que tem 20 % dos seus utilizadores com serviço suspenso mas que garante que não vai alargar o prazo, sob pena de ser alvo de penalização por parte do Instituto Nacional das Comunicações de Moçambique.

O objectivo deste registo é o de preservar a segurança dos utentes que têm sido alvos de burlas, sequestros, etc... orquestrados através de telemóveis. 

Confira as declarações de João Matias, gestor de subscrição pré-pago na Vodacom

João Matias, gestor de subscrição pré-pago na Vodacom

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI