Futebol

Recreativo do Libolo juntou-se a Ferroviário da Beira nos "quartos"

O Recreativo do Libolo, único representante lusófono na Taça das Confederações da CAF, assegurou o apuramento para os quartos-de-final ao empatar sem golos frente aos egípcios do Smouha neste domingo 9 de Julho.

Publicidade

O clube angolano do Recreativo do Libolo está nos quartos-de-final da Taça das Confederações da CAF, ao terminar no segundo lugar do Grupo C atrás dos zambianos do ZESCO United.

Após a exclusão do Al-Hilal Al-Ubayyid, o único representante sudanês no grupo, os angolanos precisavam apenas de um empate frente aos egípcios do Smouha para garantir o apuramento. No Estádio Municipal de Calulo, o Recreativo do Libolo conseguiram arrecadar um empate sem golos e ultrapassar desta forma a fase de grupos.

Recorde-se que, com a exclusão do clube sudanês, o ZESCO United terminou na liderança com 10 pontos, à frente do Recreativo do Libolo com sete e do Smouha com seis.

Nos quartos-de-final, os angolanos vão defrontar o TP Mazembe, clube da República Democrática do Congo, que venceu a Taça das Confederações da CAF na temporada passada.

Ferroviário da Beira nos quartos da Liga dos Campeões

O Ferrovirário da Beira também alcançou o apuramento para os quartos-de-final da Liga dos Campeões da CAF. O clube moçambicano alcançou o apuramento com a exclusão dos dois clubes sudaneses que estavam no Grupo A.

Os tunisinos do Étoile du Sahel e os moçambicanos do Ferrovirário da Beira conseguiram ultrapassar a fase de grupos da prova, um feito inédito para o clube da Beira.

Em entrevista exclusiva à RFI, Rogério Gonçalves, treinador português do Ferroviário da Beira, abordou o futuro da equipa nos quartos de final e não esqueceu o campeonato moçambicano, no qual o seu clube está numa situação complicada.

Rogério Gonçalves, treinador português do Ferroviário da Beira

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI