Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Filipe Nyusi faz balanço positivo, oposição critica

Presidente moçambicano Filipe Nyusi
Presidente moçambicano Filipe Nyusi
Texto por: RFI
4 min

Presidente Filipe Nyusi no seu informe anual discursou esta quarta-feira no parlamento e considerou estável o estado da Nação, oposição critica ausência de questões candentes como a crise económica e os ataques em Cabo Delgado.

Publicidade

O presidente Filipe Nyusi foi claro na conclusão no seu informe anual, um exercício exigido pela constituição: o "estado geral da Nação é estável e inspira confiança", tendo destacado ainda avanços na estabilidade política e na retoma da economia, a consolidação da unidade nacional e a concórdia no seio das forças políticas.

Orfeu Lisboa, correspondente em Maputo

A oposição fez uma apreciação negativa do informe do estadista, para Ivone Soares chefe da bancada parlamentar da Renamo, principal partido da oposição "o cidadão comum não sente realmente que há melhorias na governação, que há melhorias no sector económico e que haja melhorias na estabilidade do país".

Lutero Simango, líder da bancada do MDM, segunda força política moçambicana, considera que o presidente foi infeliz e "não aprofundou muito em relação ao processo de resgate da paz efectiva".

Por sua vez Margarida Talala chefe da bancada da Frelimo, partido no poder desde a independência apreciou positivamente o informe declarando que Filipe Nyusi "falou aquilo que toca o coração dos jovens, em suma de todo o povo moçambicano".

No seu informe de pouco mais de duas horas, no qual abordou os ataques em Cabo Delgado, Filipe Nyusi anunciou um indulto a 1498 presos e a isenção de taxas de matriculas até ao 9º ano para rapazes e meninas partir de 2020.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.