Acesso ao principal conteúdo
Oriente Médio

Tensão e estado de alerta após retomada de negociações no Oriente Médio

Mulher levanta a bandeira palestina durante oração do Ramadã, em Jerusalém.
Mulher levanta a bandeira palestina durante oração do Ramadã, em Jerusalém. REUTERS
Texto por: RFI
2 min

Um dia após a retomada do processo de paz entre israelenses e palestinos, o clima é de tensão na região. A mídia dos dois lados reflete o pessimismo. O premiê israelense, Benjamin Netanyahu, não descarta convocar um referendo sobre a questão. 

Publicidade

Nathalia Watkins, correspondente da RFI em Jerusalém.

O dia amanheceu tenso em Jerusalém, última sexta-feira do Ramadã, mês sagrado para muçulmanos, e às vésperas do Ano Novo judaico. A polícia reforçou a segurança em toda a cidade. Na Cisjordânia, as forças de segurança palestinas também estão em estado de alerta e advertiram para a possibilidade de que o Hamas execute novos ataques no território. Treze milícias radicais palestinas de Gaza pediram em um documento conjunto o aumento dos ataques contra Israel para minar o diálogo de paz entre o país e a Autoridade Palestina iniciado na quinta-feira, após quase 20 meses de paralisação.

A mídia israelense e a árabe refletiu o clima de pessimismo que é sentido também nas ruas com relação à retomada do processo de paz. A imprensa árabe questiona o mandato do presidente Mahmoud Abbas, que representa a liderança da Cisjordânia, para alcançar um acordo - uma vez que a outra parte do território palestino, a Faixa de Gaza, é comandada pelo Hamas.

Entre os principais veículos de comunicação israelenses, o ceticismo prevaleceu - apesar de terem destacado o que foi classificado como "tom moderado" do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, em Washington.A direita israelense critica os palestinos por não serem interlocutores confiáveis para alcançar uma resolução definitiva do conflito, discurso adotado também pelo premiê no passado.

Abbas e Netanyahu se comprometeram a reunir-se a cada duas semanas para tentar chegar aos termos do acordo de paz, e a primeira rodada de negociações sera realizada nos próximos dias 14 e 15.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.