Acesso ao principal conteúdo
Palestina/doadores

Conferência de Doadores só tem sentido se houver um Estado, diz premiê da Autoridade Palestina

O primeiro-ministro da Autoridade Palestina, Salam Fayyad foi recebido no Eliseu pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy.
O primeiro-ministro da Autoridade Palestina, Salam Fayyad foi recebido no Eliseu pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy. Reuters
Texto por: Taíssa Stivanin
2 min

O primeiro-ministro da Autoridade Palestina, Salam Fayyad, disse nesta sexta-feira em Paris que uma nova Conferência de Doadores para a Palestina, prevista para o mês de junho, só terá sentido se houver a perspectiva concreta da criação de um Estado palestino.

Publicidade

A reunião foi anunciada nesta quinta-feira durante um jantar com representantes franceses, da União Europeia, da Noruega, e do Quarteto, formado por EUA, ONU e Rússia, que acompanham a organização do encontro desde a primeira conferência, em 2007. Na época, foram arrecadados mais de 7 milhões de euros.

"O dinheiro não é o principal objetivo desta conferência, que deve condicionar um processo político. Chegou a hora do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu dizer exatamente o que passa pela sua cabeça quando ele fala de um estado Palestino. Não basta ele dizer que apoia a solução de dois estados", disse Fayyad durante um debate organizado pela Academia Diplomática Internacional.

O primeiro-ministro palestino foi recebido nesta quinta-feira pelo presidente francês Nicolas Sarkozy e o premiê  François Fillon, para participar de uma conferência de doadores para a Palestina, assinar acordos de cooperação e organizar o próximo encontro. Esta é a primeira vez que ele visita o país como chefe de governo. Diversos países, entre eles o Brasil, reconheceram recentemente a Palestina como Estado.

Os palestinos intencionavam proclamar um novo Estado em setembro, data limite para a obtenção de um acordo entre Israel e a Palestina. Mas as negociações voltaram à estaca zero com o fim da moratória, em setembro, que congelava a construção de novos assentamentos na Cisjordânia e a retomada da colonização na região.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.