Coreia/Ataques

Coreia do Norte realiza disparos no Mar Amarelo e Seul revida

Fronteira entre as duas Coreias.
Fronteira entre as duas Coreias. REUTERS/Jung Yeon-je/Pool
Texto por: RFI
2 min

A Coreia do Norte efetuou nessa quarta-feira novos disparos de artilharia perto da Linha de Limite Norte (LLN), a linha de demarcação no Mar amarelo com a Coreia do Sul.

Publicidade

A Marinha sul-coreana também fez disparos de artilharia mais cedo, nesta quarta-feira, depois que um míssil, lançado pela artilharia da Coreia do Norte, ter caído perto da fronteira entre os dois países.O anúncio foi feito pelo Ministério de defesa sul-coreano, que uma vez mais, revidou os disparos.

A Coreia do Norte já havia efetuado disparos na terça-feira na direção da ilha sul-coreana de Yeonpyeong. O governo do país afirma que se trata de um exercício de treinamento, mas Seul ignorou e respondeu duas horas depois, com três disparos de advertência em direção ao vizinhoO barulho dos tiros provocou tensão entre os 1.800 habitantes de Yeonpyeong, que já se preparavam para abandonar a ilha, mas as autoridades conseguiram restabelecer a calma.

As forças sul-coreanas estão em alerta elevado na área desde os ataques norte-coreanos, ocorridos em 23 de novembro do ano passado, na mesma ilha. Quatro pessoas morreram, incluindo dois militares, e dezoito ficaram feridos. Seul acusa Pyongyang de ter bombardeado um de seus navios perto da no Mar amarelo, em março de 2010, causando 46 mortos. Foi a primeira vez, depois do fim da guerra da Coréia, em 1953, que zonas civis foram atacadas no território da Coréia do Sul.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI