Acesso ao principal conteúdo
Líbia/Conflito

Anistia aponta crimes de guerra de kadafistas e rebeldes na Líbia

Rebelde inspeciona local onde kadafistas e opositores morreram em combate.
Rebelde inspeciona local onde kadafistas e opositores morreram em combate. REUTERS/Louafi Larbi
2 min

Em relatório publicado nesta terça-feira, a Anistia Internacional acusa o regime de Muammar Kadafi de vários crimes contra a humanidade. Segundo a Anistia, os combatentes rebeldes também cometeram abusos para chegar ao poder na Líbia. 

Publicidade

A Anistia Internacional expõe diversos exemplos de violações cometidas pelo regime de Kadafi, mas também destaca que o Conselho Nacional de Transição (CNT) não parece disposto a responsabilizar os combatentes rebeldes por violações dos direitos humanos.

No documento de 122 páginas, a organização afirma que o Conselho enfrenta a difícil tarefa de controlar os combatentes da oposição e os grupos paramilitares responsáveis por graves violações dos direitos humanos, incluindo possíveis crimes de guerra. O CNT estaria se mostrando reticente em responsabilizar esses grupos.

Os combatentes da oposição teriam sequestrado, torturado e assassinado ex-membros de forças de segurança leais a Kadafi. Eles teriam também capturado soldados e cidadãos estrangeiros acusados erroneamente de serem mercenários contratados pelo regime para defender o ex-ditador.

Entre os exemplos de violação dos direitos humanos, o informe destaca um caso ocorrido no começo da rebelião, quando soldados de Kadafi capturados pelos insurgentes teriam sido espancados até a morte. Outros ainda foram enforcados e executados mesmo depois de terem se rendido.

No entanto, a Anistia Internacional reconhece que os crimes de guerra cometidos pela oposição são de menor escala comparados aos cometidos durante os mais de 40 anos do regime de Kadafi. O documento pede que as novas autoridades líbias criem medidas que coloquem a questão dos direitos humanos como base do seu programa de governo.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.