Israel/governo

Benjamin Netanyahu chega a acordo para formação de novo governo em Israel

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu
O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu REUTERS/Darren Whiteside

Mais de um mês e meio depois das eleições parlamentares de 22 de janeiro, finalmente o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu conseguiu formar seu novo governo. Ao que tudo indica, a coalizão de seis partidos, com 70 dos 120 membros do Knesset, o parlamento israelense, será oficializada na segunda-feira.

Publicidade

 Daniela Kresch, correspondente da RFI em Tel Aviv

O impasse parece ter chegado ao fim e o premiê Benjamin Netanyahu deve anunciar em breve a formação de um novo governo. A fumaça branca das negociações foi anunciada na quarta-feira à tarde, bem na hora da escolha do novo papa do Vaticano. Mas até esta madrugada ainda havia detalhes –principalmente nomeações de ministros e outros cargos – que atrasam a assinatura dos acordos.

Netanyahu, líder do partido de centro-direita Likud, conseguiu 31 das 120 cadeiras do Parlamento, mas teve dificuldades para montar o novo governo, que tem que ter no mínimo 61 cadeiras. Se ele não conseguisse fazer essa costura política em 5 semanas, poderia até mesmo perder o privilégio de se manter no cargo de premiê. Além disso, Netanyahu correu contra o tempo para negociar parceiros por causa da visita do presidente americano Barack Obama, marcada para o próximo dia 20 de março.

Com a coalizão formada, falta saber quanto tempo Netanyahu vai conseguir agradar todos os parceiros, incluindo partidos de esquerda como o ex-chanceler Tpzini Livni, e de direita, como o do líder colono Naftali Bennet. Ele terá que fazer muita ginástica política para convencê-los a votar em bloco em assuntos como negociações de paz com os palestinos ou alistamento militar para jovens ultraortodoxos.

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI