África do Sul/Mandela

Nelson Mandela volta para o hospital com infecção pulmonar

Nelson Mandela  no dia 25 de fevereiro de 1990, alguns dias depois de sua libertação
Nelson Mandela no dia 25 de fevereiro de 1990, alguns dias depois de sua libertação Trevor Samson/AFP

O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, 94 anos, foi hospitalizado em Johannesburgo na noite desta quarta-feira para tratar uma infecção pulmonar, anunciou a presidência do país nesta quinta-feira (28). A última vez que o líder da luta anti-apartheid esteve internado por problemas de saúde foi no início do mês.

Publicidade

Nelson Mandela chegou consciente ao hospital da noite desta quarta-feira, de acordo com o porta-voz da presidência, Mac Maharaj. Segundo ele, até agora não foram divulgadas novas informações desde a hospitalização do herói nacional, pouco antes da meia-noite, em razão de uma infecção pulmonar.

Em um comunicado oficial, o porta-voz declarou que não recebeu nenhum relatório dos médicos. "Nelson Mandela foi hospitalizado pouco antes da meia-noite, e os médicos estão assegurando ao ex-presidente o melhor tratamento médico possível, e todo o conforto", afirmou.

O nome do hospital, por enquanto, está sendo guardado em segredo, segundo Mac Marajah, para "respeitar a intimidade e para que a equipe médica possa se concentrar em seu trabalho." No mesmo comunicado, o presidente Jacob Zuma desejou melhoras ao herói da luta anti-apartheid.

“Pedimos ao povo sul-africano e ao mundo inteiro que orem pelo nosso Madiba (nome do clã de Mandela) e de toda sua família. Temos total confiança na equipe médica e sabemos que eles farão o possível para que ele se reestabeleça rapidamente", disse.

Nos últimos dois anos, ele passou por três internações. Em dezembro do ano passado, Mandela chegou a ficar 18 dias internado. A mais longa foi em 2001, quando, aos 83 anos, ele ficou sete semanas no hospital, quando foi diagnosticado com um câncer de próstata. Em 2004 ele se retirou da vida pública, e fez raras aparições, como durante a Copa do Mundo da África do Sul, em 2010.

 

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI