Acesso ao principal conteúdo
Egito/Crise

Estudantes pró-Mursi são dispersados com gás lacrimogêneo no Cairo

Estudantes egípcios foram dispersados nesta segunda-feira com bombas de gás lacrimogêneo, no Cairo.
Estudantes egípcios foram dispersados nesta segunda-feira com bombas de gás lacrimogêneo, no Cairo. REUTERS/Amr Abdallah Dalsh
Texto por: RFI
2 min

A polícia egípcia dispersou nesta segunda-feira com a ajuda de gás lacrimogêneo uma manifestação de estudantes no Cairo em apoio ao presidente islamista deposto, Mohamed Mursi.

Publicidade

O grupo de estudantes saiu da prestigiosa universidade islâmica de al-Azhar no Cairo e logo depois foi alvo de bombas de gás lacrimogêneo. As universidades, desde a volta as aulas, são o último polo de resistência da mobilização em favor do ex-presidente.

Mais de mil manifestantes foram mortos pela polícia e pelo exército do país desde o mês de agosto, enquanto mais de 2 mil partidários da Irmandade Muçulmana, grupo político de Mursi, foram detidos, incluindo seus principais líderes.

Após ser deposto pelo exército em julho deste ano, Mursi continua detido em um local não revelado. Ele deve ser julgado a partir do dia 4 de novembro pela morte de manifestantes durante protestos em frente ao palácio presidencial em dezembro de 2012.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.