Egito/Cristãos

Coptas do Egito festejam Natal sob forte esquema de segurança

Na Igreja de Mar Girgis no Cairo as cerimônias foram presididas por Teodoro II, Papa da Igreja Ortodoxa Copta de Alexandria.
Na Igreja de Mar Girgis no Cairo as cerimônias foram presididas por Teodoro II, Papa da Igreja Ortodoxa Copta de Alexandria. REUTERS/Mohamed Abd El Ghany

Os coptas do Egito festejam nesta terça-feira, 7 de janeiro de 2014, o Natal sob um forte esquema de segurança. A proteção reforçada visa evitar novos ataques contra a maior comunidade cristã do Oriente Médio. Após a queda do presidente Mohamed Mursi no ano passado, os cristãos do país foram alvo de militantes islâmicos.

Publicidade

Com a colaboração de Hugo Bachega, correspondente da RFI do Cairo
A segurança foi reforçada em igrejas em todo o Egito para a celebração do Natal dos coptas nesta terça-feira e autoridades estão em alerta para possíveis ataques. Agentes de segurança farão a patrulha em ruas nos arredores das igrejas, que estarão fechadas à circulação de carros. Apesar dos temores, missas estiveram lotadas ontem durante celebrações da data.

Ataques contra coptas

Cristãos, que são cerca de dez por cento da população do Egito, foram alvos de militantes islâmicos após a queda do presidente Mohamed Mursi, em julho do ano passado. Diversas igrejas e propriedades de cristãos foram atacadas e destruídas em uma onda de violência que atingiu todo o país.
Há anos, coptas afirmam ser alvo de discriminação no Egito, mas a situação piorou durante o governo Mursi. A comunidade cristã participou ativamente da campanha contra o presidente islâmico e tem dado suporte ao governo interino, apoiado pelos militares, na esperança de maior inclusão e segurança.

Referendo

No domingo, o presidente interino, Adly Mansour, fez uma rara visita ao papa copta Tawadros II, num gesto simbólico visando garantir apoio de cristãos no referendo da nova Constituição egípcia, que será realizado nos dias 14 e 15 deste mês.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI