Japão/Saúde

Pesticida em produtos congelados contamina mais de mil pessoas no Japão

Mais de 1.000 pessoas em todo o Japão afirmaram ter ficado doentes por consumir alimentos congelados contaminados com pesticidas.
Mais de 1.000 pessoas em todo o Japão afirmaram ter ficado doentes por consumir alimentos congelados contaminados com pesticidas. Flickr/ Creative Commons

Mais de mil pessoas no Japão ficaram doentes após ingestão de produtos congelados que tinham um nível elevado de um pesticida. A empresa responsável pelos alimentos determinou a retirada dos artigos dos pontos de venda.

Publicidade

Na terça-feira, o número de queixas não passava de 360 mas o escândalo se ampliou e atinge várias regiões do país. No final do mês passado, a filial Aglifoods do grupo japonês Maruha Nichiro Holdings já havia detectado a presença do pesticida malatião em diversos produtos congelados fabricados em uma indústria na região noroeste de Tóquio. 

Ao perceber um cheiro estranho nos produtos, os consumidores alertaram a empresa. Os alimentos, principalmente croquetes e pizzas, foram retiradas das prateleiras dos supermercados e pontos de venda, mas muitos clientes que tem produtos congelados em casa, consumiram nos últimos dias.

Mais de mil consumidores, sendo 200 deles de Hokkaido, no norte do país, sofreram com diarréia, vômitos e outros problemas. Um bebê de 9 meses foi internado após ingestão de croquetes.

A empresa fez um pedido para retirar mais de 6,4 milhões de produtos distribuídos, mas até agora, cerca de 1,5 milhão, ou seja, menos de 20%, foram devolvidos.

Desde o dia 29 de dezembro, dia em que a Aglifoods fez o alerta, até ontem, mais de 630 mil pessoas ligaram para a empresa em busca de informações.

Uma investigação foi aberta para esclarecer a contaminação. A grande quantidade do pesticida encontrada nos produtos levanta a suspeita de que tenha sido introduzido propositalmente no processo de fabricação dos alimentos. O malatião é um inseticida neurotóxico muito utilizado na agricultura e facilmente encontrado no comércio.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI