Acesso ao principal conteúdo
Israel/Palestina

Israel aprova construção de 558 novas moradias em áreas palestinas de Jerusalém

Construção de novas colônias no bairro de Ramat Shlomo, anexado ao oeste de Jerusalém; 30 de outubro de 2013.
Construção de novas colônias no bairro de Ramat Shlomo, anexado ao oeste de Jerusalém; 30 de outubro de 2013. Reuters/Baz Ratner
2 min

Autoridades israelenses aprovaram hoje (5) projetos de construção de 558 novas moradias em assentamentos de Jerusalém Oriental, área ocupada e anexada pelo Estado hebreu. Na reunião da comissão de planejamento local foram aprovadas construções de 386 casas em Har Homa, 136 em Neve Yaakov e 36 em Pisgat Zeev, segundo comunicado divulgado pela prefeitura de Jerusalém.

Publicidade

As obras devem começar nas próximas semanas, de acordo com a ONG anticolonização Peace Now. O porta-voz da organização, Lior Amihai, disse que a autorização de construção expedida pela prefeitura "é realmente a última etapa do processo".

"É uma decisão vergonhosa, um momento vergonhoso. Um governo que quer uma solução de dois Estados não iria emitir tal número de autorizações para bairros de Jerusalém Oriental", afirmou Amihai.

Os líderes palestinos têm repetidamente condenado o processo de colonização de terras palestinas. A atitude de Israel mina as negociações de paz que o secretário de Estado americano, John Kerry, tenta estabelecer entre as duas partes há vários meses. A mediação de Kerry deveria terminar no final de abril, com a redação de um projeto de acordo.

Israel declarou toda Jerusalém sua "capital eterna e indivisível", enquanto os palestinos querem fazer de Jerusalém Oriental, ocupada e anexada desde 1967, a capital do Estado ao qual aspiram.

Cerca de 350 mil colonos judeus vivem em assentamentos na Cisjordânia. Além disso, 200 mil israelenses moram em bairros colonizados de Jerusalém Oriental.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.