Irã/ programa nuclear

Reunião sobre programa nuclear iraniano fracassa

Reunião aconteceu em Viena, na Áustria.
Reunião aconteceu em Viena, na Áustria. REUTERS/Jim Bourg

As grandes potências nucleares e o Irã não conseguiram chegar a um acordo sobre o programa nuclear de Teerã neste domingo (13), após mais uma reunião para negociar o tema, realizada em Viena (Áustria). Os ministros francês e alemão das Relações Exteriores afirmaram que a conclusão do acordo até o prazo-limite de 20 de julho é incerta.

Publicidade

“Nós tivemos um diálogo aprofundado, mas não conseguimos fechar um acordo”, declarou o chanceler francês, Laurent Fabius. Ele acrescentou que as conversas foram “úteis” e vão continuar.

Já o ministro alemão lembrou que “falta pouco tempo” até o prazo estabelecido como limite para um acerto, 20 de julho. “Não posso garantir que haverá um acordo. A bola está com o Irã”, observou Frank-Walter Steinmeier, ao final da reunião. “Espero que os próximos dias serão suficientes para o Irã pensar.”

Além de Fabius e Steinmeier, também participaram do encontro o secretário de Estado norte-americano e os chanceleres da Grã-Bretanha, Rússia e China, além do Irã. As potências nucleares querem que Teerã reduza sua capacidade de produção de combustível nuclear para afastar qualquer hipótese de fabricação de bombas atômicas. Em troca, as sanções internacionais que têm prejudicado a economia do país, dependente do petróleo, seriam gradualmente suspensas.

Falta de confiança

O Irã diz que está enriquecendo urânio apenas para fins pacíficos e quer que as sanções sejam suspensas imediatamente. Mas, ao acumular um histórico de atividades nucleares escondidas dos inspetores da ONU, Teerã levantou suspeitas internacionais sobre os objetivos do seu programa nuclear.

O ministro iraniano das Relações Exteriores, Mohammad Javad Zarif, destacou que “a confiança deve existir nos dois sentidos”. “Eu não entrarei em um jogo de críticas recíprocas ou de manipulações, mas em um esforço sincero para chegar a um acordo”, havia declarado Zarif, antes da reunião. “Espero a mesma coisa dos negociadores”, afirmou, em sua conta no Twitter.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI