Acesso ao principal conteúdo
Saúde/Zonas rurais

Mais de 50% da população rural do mundo não tem acesso a serviços de saúde

Criança afegã é socorrida na área rural do vilarejo de Tajikhan, no Afeganistão, em 2012.
Criança afegã é socorrida na área rural do vilarejo de Tajikhan, no Afeganistão, em 2012. Graham Crouch / World Bank
Texto por: RFI
2 min

Em um relatório publicado nesta segunda-feira (27), a Organização Internacional do Trabalho (OIT) informa que mais da metade da população rural em todo o mundo é desprovida de serviços básicos de saúde. Os números foram considerados "chocantes" pela instituição que avaliou a situação em 174 países.

Publicidade

O relatório, o primeiro do gênero publicado pela OIT, revelou disparidades graves sobre o acesso à assistência médica entre zonas rurais e urbanas em todo o planeta, especialmente nos países em desenvolvimento. O documento mostra que 56% dos habitantes de áreas agrícolas não têm acesso a serviços básicos de saúde, em relação a 22% dos habitantes das cidades.

"A ausência de cobertura legal, o baixo número de profissionais na área da saúde, financiamentos inadaptados, tudo isso criou desigualdades que podem colocar as vidas em risco", afirma a coordenadora das políticas de saúde da OIT, Xenia Scheil-Adlung.

Países pobres

Os países que mais sofrem com a falta de serviços básicos de saúde são os mais pobres. As estatísticas mais alarmantes vêm da África, onde a escassez nesta área atinge 83% da população das zonas rurais. Na Europa, os mais afetados são Itália, Grécia, Andorra e Chipre.

O continente africano e a América Latina são as duas regiões mais carentes de profissionais da saúde. Na Nigéria, esse número atinge 82% da população de áreas agrícolas, contra 37% nas cidades.

A OIT estima que, em todo o mundo, faltam cerca de 10,3 milhões de médicos, enfermeiros e dentistas para atender a demanda; 7 milhões apenas nas zonas rurais. No total, de todo o efetivo da saúde mundial, apenas 23% trabalham em regiões agrícolas.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.