Acesso ao principal conteúdo
Grécia

Incêndio destrói campo de refugiados na Grécia

Incêndio destrói campo de refugiados  ilha de Lesbos, na Grécia
Incêndio destrói campo de refugiados ilha de Lesbos, na Grécia REUTERS/Giorgos Moutafis

Milhares de pessoas fugiram, na noite de ontem, do incêndio que destruiu o campo de refugiados instalado na ilha grega de lesbos. Segundo as autoridades gregas, este incêndio não fez vítimas, registando-se apenas estragos materiais.

Publicidade

A Agência das Nações Unidas para os Refugiados disse que as condições de vida precárias e a incerteza sobre o futuro dos refugiados estão na origem deste incêndio.

"O incêndio de ontem à noite revela a ausência da resposta europeia para a crise dos refugiados " declarou Panos Navrozidis, director do Comité Internacional de Socorro na Grécia.

Na capital, Atenas, um responsável da polícia enviou que duas brigadas de polícias anti-motins foram enviadas para a ilha para tentar controlar a situação.

Até ao momento ainda não se sabe a causa exacta deste incêndio. Segunda a imprensa grega, os confrontos começaram depois de um rumor que dava conta que centenas de pessoas seriam expulsas do campo de Moria.

Não há vítimas mortais

De acordo com as autoridades gregas, o fogo foi apagado e não há registo de vítimas. As chamas contudo destruíram cerca de 60% do campo. Entre três a quatro mil migrantes fugiram do local. Pelo menos 9 pessoas foram detidas acusada de destruição de bens e desrespeito à ordem pública. Alguns deles devem ser hoje presentes a um juiz.

Mais de 5.700 refugiados e migrantes estão actualmente na ilha de Lesbos, bloqueados por um acordo concluído no passado mês de Março entre a União Europeia e a Turquia. Este acordo impede-os de ir mais longe até que o seu pedido de asilo seja tratado. Aqueles que vêem o pedido recusado são reenviados para a Turquia.

ONU faz promessas

Em Nova Iorque, num encontro sobre refugiados realizado à margem da Assembleia Geral das Nações Unidas, os 193 países da ONU prometeram tentar melhorar as condições de vida de milhões de refugiados face a uma crise sem precedentes.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.