Iraque / Atentados

E.I. lança ofensiva na região de Kirkuk, a Norte do Iraque

Forças de segurança peshmergas (iraquianos curdos) em Kirkuk, no local onde  ocorreu um dos atentados desta manhã, cometidos pelo E.I.
Forças de segurança peshmergas (iraquianos curdos) em Kirkuk, no local onde ocorreu um dos atentados desta manhã, cometidos pelo E.I. REUTERS/Ako Rasheed

Enquanto as forças militares iraquianas e os seus aliados lançam a sua ofensiva contra o Estado islâmico, concentrando-se na reconquista de Mossul, aquele grupo terrorista tenta evitar o confronto directo e lança uma ofensiva sobre a região de Kirkuk, importante região petrolífra a Norte do Iraque.

Publicidade

Esta manhã, ocorreram vários atentados suicidas contra edifícios do governo, em Kirkuk, e contra uma central eléctrica, na região norte da provícia com o mesmo nome. Os atentads foram reivindicatos imediatamente pelo grupo terrorista Estado Islâmico.

Dezenas de homens armados, alegadamente pertencentes àquele grupo terrorista, foram vistos em vários bairros de Kirkuk, esta manhã. Várias testemunhas afirmam ter visto pequenos grupos de homens armados, em mesquitas e prédios, noutras áreas da cidade.
 

Um balanço provisório dos confrontos entre as forças de segurança e os extremistas, em Kirkuk, aponta para 18 mortos (  6 polícias e 12 combatentes do E.I.). E os atentados, cometidos por vários homens-bomba, causaram  pelo menos 17 mortos, 16 dos quais numa central eléctrica em construção, em Dibis, situada a cerca de 40 km a Noroeste de Kirkuk.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI