MACAU/CINEMA

Amor feminino em Macau conquista festival

Tracy Choi, cineasta de Macau
Tracy Choi, cineasta de Macau RFI/Miguel Martins

A cineasta de Macau Tracy Choi projectou em estreia mundial "Sisterhood" no primeiro festival de cinema local. Uma história de amor entre duas mulheres em plena transição da soberania portuguesa para a chinesa que parece ter conquistado o público.

Publicidade

Nesta sua primeira longa metragem a cineasta, que estudou em Taiwan e Hong Kong, volta a abordar as questões femininas, como no seu documentário de 2012 "I'm here" e as questões LGBT.

Uma macaense regressa ao território quinze anos após a ruptura e passa em revista o seu amor de juventude entre duas massagistas de um clube local.

A ruptura entre ambas coincide, aliás com a transição da soberania portuguesa para a chinesa.

Jennifer Yu, Fish Liew
Jennifer Yu, Fish Liew RFI/Miguel Martins

Um filme sensível onde a consagrada actriz de Hong Kong Gigi Leung tem um papel de relevo, e ainda a dupla juvenil Jennifer Yu e Fish Liew, também do antigo território britânico.

Uma obra que mereceu um amplo aplauso aquando da sua estreia. Em entrevista à RFI, a cineasta de Macau Tracy Choi, falou desta fita.

Cineasta MacaenseTracy Choi

De referir ainda que o palmarés deste primeiro festival internacional de cinema de Macau é anunciado nesta terça-feira.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI