Música / Cinema

França : O Cinema e a Música choram Pierre Barouh

Saravah, filme-documentário de Pierre Barouh, com grandes nomes da música brasileira
Saravah, filme-documentário de Pierre Barouh, com grandes nomes da música brasileira DR

Pierre Barouh, autor, compositior, intérprete e editor francês, mundialmente conhecido, faleceu nesta quarta feira à tarde, no hospital Cochin, em Paris, de um enfarte do miocárdio. Aparecia poucas vezes em público, por isso a sua imagem é também pouco conhecida. Porém, assinou letras de músicas que deram a volta ao Mundo, através do Cinema.  

Publicidade

Todos se lembram de « Un homme et une femme » do filme de Claude Lelouch, com música de Francis Lai, ou "La bicyclette", interpretada por Yves Montand ". "Des ronds dans l'eau" foi outro dos seus sucessos, interpretado por Françoise Hardy.

O célebre realizador francês Claude Lelouch disse hoje que Pierre Barouh era a única pessoa de quem escutava os conselhos, e que o seu modo de olhar o mundo está omnipresente nos seus filmes.

Pierre Barouh não se contentava em escrever apenas canções, e chegou a gravar seis albuns com o seu verdadeiro nome. Em 1966 criou Saravah, e lançou-se à descoberta de novos talentos. Em 50 anos de carreira, Pierre Barouh editou mais de 200 discos, e como Editor, descobriu muitos talentos que se tornaram nomes consagrados no panorama musical francês.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI