Convidado

A campanha eleitoral francesa entra na recta final

Áudio 09:35
Palácio presidencial do Eliseu.
Palácio presidencial do Eliseu. Remi Mathis / Wikkimedia commons

Estamos a uma semana da primeira volta das presidenciais aqui em França onde desde a passada Segunda-feira decorre a campanha eleitoral oficial, uma caça aos votos que tem vindo a acelerar-se, com a multiplicação dos comícios e também de comportamentos e declarações-choque, designadamente com a candidata de extrema-direita Marine le Pen a questionar o tratamento dado pelo Regime de Vichy aos judeus durante a Segunda Guerra Mundial, mas também as agressões contra os jornalistas nos comícios do candidato de direita François Fillon e, por outro lado, a subida vertiginosa nas sondagens do candidato de extrema-esquerda Jean-Luc Mélenchon nos últimos dias, o que levou aliás o Presidente Hollande a sair da sua reserva para apoiar quase explicitamente o candidato sem etiqueta Emmanuel Macron. Em entrevista com a RFI, Rafael Lucas, professor universitário em Bordéus, analisou estes fenómenos.