Acesso ao principal conteúdo
Índia

221 mortos em inundações na Índia, Nepal, Bangladesh

Vítimas da monção no Nepal
Vítimas da monção no Nepal
2 min

  Pelo 221 pessoas morreram nos últimos dias na Índia, Nepal e Bangladesh em inundações e desabamentos de terras, provocadas pela monção.

Publicidade

O último balanço feito esta terça-feira (15/08) pelas autoridades dos três países aponta para pelo menos 221 mortos na Índia, Bangladesh e Nepal.

A monção anual acompanhada por chuvas torrenciais e fortes ventos, também destruíu milhares de habitações, matou gado e provocou deslocações massiças de populações.

Monção mata 221 pessoas no Nepal, Índia e Bangladesh

Nepal

O Nepal é o país mais afectado até ao momento, com pelo menos 111 mortos enquanto 35 pessoas continuam dadas como desaparecidas.

Terraï, no sul do Nepal, a região mais afectada, é uma das mais férteis e povoadas do país, o que deverá ter consequências drásticas para a economia do Nepal.

No distrito de Saptari, também no sul do país, os habitantes acusam o governo de não conseguir antecipar os problemas ligados à monção que é anual e tardar em enviar ajuda para as populações afectadas.

A Cruz Vermelha do Nepal advertiu que penúrias de água potável e de alimentos de primeira necessidade, poderiam provocar uma crise humatária.

Índia

Na vizinha Índia as autoridades admitem 81 mortos, sobretudo no leste e noroeste do país, onde foi suspensa a circulação de todos os combóios e cerca de 200.000 pessoas se refugiaram em campos improvisados em Assam.

Bangladesh

O Bangladesh recenseou 29 mortos, enquanto cerca de um milhão e meio de pessoas estão bloqueadas e foram instalados cerca de 1.200 abrigos de emergência.

No norte do país o exército foi requisitado para consolidar os diques.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.