Acesso ao principal conteúdo
Estados Unidos / Imigração

Imigração : Trump faz marcha-atrás e assina decreto

Donald Trump assinou o decreto que acaba com a separação das crianças dos seus pais, clandestinos, que entram nos Estados unidos ilegalmente
Donald Trump assinou o decreto que acaba com a separação das crianças dos seus pais, clandestinos, que entram nos Estados unidos ilegalmente REUTERS/Leah Millis
Texto por: Vitor Matias
2 min

Confrontado com a hostilidade duma grande parte da opinião pública e da classe política norte-americana, o Presidente Donald Trump assinou nesta Quarta-feira um decreto que põe termo à prática da separação dos filhos de migrantes dos seus pais.

Publicidade

O Presidente norte-americano, Donald Trump, assinou ontem, Quarta-feira,dia 20, um decreto que põe termo à separação das famílias de imigrantes, na fronteira, uma  prática que tinha causado vivas críticas no seu País, e mesmo mal-estar a nível internacional.

Trump tinha sofrido uma avalanche de críticas pela sua política de "tolerância zero" sobre a imigração ilegal, lançada no início de Maio, que levara à separação de mais de 2.300 menores dos seus pais.

Desde aí, fotografias e vídeos deram a volta ao Mundo nas redes sociais, mostrando crianças separadas dos pais, chorando desesperadamente, detidas num centro de retenção fronteiriço. 

A onda de indignação, as acusações de violação dos direitos humanos, e mesmo a tomada de posição da sua esposa, Melania, e da sua filha, Ivanka, levaram-no a uma mudança de posição, e a assinar o decreto, no Salão Oval da Casa Branca, como começa a ser hábito. 

Oiça aqui as declarações de Donald Trump :

Declarações do Presidente Donald Trump

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.