Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Presidente turco na encruzilhada

Áudio 10:26
Presidente Erdogan, juntamente com a esposa Emine Erdogan, durante o seu discurso de investidura ontem, no dia 9 de Julho.
Presidente Erdogan, juntamente com a esposa Emine Erdogan, durante o seu discurso de investidura ontem, no dia 9 de Julho. REUTERS/Umit Bektas
Por: Liliana Henriques
12 min

Ontem o Presidente turco tomou posse para um novo mandato de 5 anos com poderes alargados. Em virtude de uma reforma recentemente adoptada na Constituição turca, foi suprimido o posto de primeiro-ministro e o chefe de Estado que doravante controla todo o poder executivo, pode promulgar decretos, pode eleger 6 dos 13 juízes do Conselho dos Juízes e Procuradores, pode nomear os membros do Banco Central e desde já nomeou próximos no seu governo restrito, designadamente o seu genro no pelouro da economia, o que tende a suscitar ainda mais a desconfiança dos seus habituais parceiros, como não deixa de observar António Dias Farinha, director do Instituto de Estudos Árabes e Islâmicos da Universidade de Lisboa.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.