Acesso ao principal conteúdo
Mundo

Dia Internacional das Migrações

Refugiados afegãos deportados para o seu país, 9 de Dezembro.
Refugiados afegãos deportados para o seu país, 9 de Dezembro. BULENT KILIC / AFP
Texto por: Lígia ANJOS
1 min

Assinala-se hoje o dia internacional das migrações. As Nações Unidas aprovaram, ontem, um pacto global para os refugiados com maioria mas com o voto contra dos Estados Unidos e da Hungria. Este pacto procura melhorar a gestão internacional de um problema que não pára de aumentar.

Publicidade

181 países votaram a favor do pacto global. Os Estados Unidos e Hungria votaram contra e a República Dominicana, Eritreia e Líbia abstiveram-se.

Em 2017 registaram-se quase 25,4 milhões de refugiados no mundo inteiro, entre os quais quase metade são crianças.

Em 2018, apenas 10 países acolhem 60% das pessoas nessa situação. A Turquia abriga 3,5 milhões de refugiados, um valor superior a qualquer outro país.

O plano vai tentar fortalecer “a assistência e a protecção dos 25 milhões de refugiados identificados no mundo”, afirmou a presidente da Assembleia Geral da ONU.

Este pacto global para a migração aponta quatro objectivos : aliviar a pressão sobre os países anfitriões, aumentar a auto-suficiência dos refugiados, ampliar o acesso a soluções de países terceiros e ajudar a criar condições nos países de origem, para um regresso dos refugiados em segurança e dignidade.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.