Acesso ao principal conteúdo
Israel

Israelitas escolhem novo primeiro-ministro

Israelitas escolhem novo primeiro-ministro
Israelitas escolhem novo primeiro-ministro REUTERS/Nir Elias
Texto por: RFI
2 min

Mais de seis milhões de israelitas são chamados às urnas esta terça-feira para eleger os 120 deputados do Knesset, o parlamento. Os dois principais candidatos destas legislativas são Benjamin Netanyahu e o general Benny Gantz que promete colocar um ponto final no reinado do primeiro-ministro cessante.

Publicidade

Indiciado por práticas de corrupção que devem ser esclarecidas após as eleições, nesta corrida eleitoral Benjamin Netanyahu tem estado a denunciar uma autêntica "caça às bruxas" e tem apostado nas surpresas de último minuto para para mobilizar os eleitores de direita à volta do seu partido, o Likud.

Numa entrevista a um canal de televisão prometeu anexar partes da Cisjordânia ocupada se for reeleito. Netanyahu falou ainda sobre as novas políticas dos Estados Unidos em Jerusalém afirmando que conseguiu convencer Donald Trump a reconhecer a soberania israelita sobre os Montes Golã.

No entanto, o seu principal rival nestas legislativas, o general Benny Gantz, que lidera a lista centrista Azul e Branco prometeu acabar com a corrupção dos anos Netanyahu.

O antigo general tem-se tornado popular entre os israelitas e vários especialistas defendem que os eleitores costumam votar com base na personalidade dos candidatos e não nos seus ideais, tornando Gantz uma potencial ameaça para Netanyahu.

As últimas sondagens colocam os dois homens taco a taco, com cerca de trinta assentos parlamentares, cada um. Um resultado longe da maioria absoluta que prevê 61 dos 120 deputados. A concretizar-se este cenário o candidato mais votado terá que se aliar a outros partidos para poder formar governo.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.