Acesso ao principal conteúdo
Reino Unido

Polícia britânica suspeita ataque terrorista no sul de Londres

Polícia britânica suspeita ataque terrorista no sul de Londres
Polícia britânica suspeita ataque terrorista no sul de Londres REUTERS/Antonio Bronic
Texto por: RFI
4 min

No Reino Unido, duas pessoas ficaram feridas num ataque com arma branca em Streatham, no sul de Londres. O ataque foi classificado como terrorista pelas autoridades e o atacante foi abatido a tiro por agentes da polícia britânica.

Publicidade

Um homem armado com uma faca feriu hoje duas pessoas no sul de Londres, antes de ser abatido pela polícia londrina. O ataque já foi qualificado de “terrorista” pela polícia britânica.

Segundo fontes dos serviços de segurança ao canal de televisão Sky News, tudo aponta para "um ataque ligado ao islamismo".

O atacante foi baleado por oficiais armados da polícia em Streatham, no sul de Londres.

Até ao momento diz-se que poderia haver um número superior aos dois feridos, mas a polícia está em fase de apuramento insistindo que o incidente está ligado ao "terrorismo".

A polícia recomendou ainda às pessoas para evitarem a zona na margem sul de Tamisa.

Forças policiais suspeitam que o agressor abatido teria com ele um saco que poderia conter uma bomba.

Por seu lado o primeiro ministro britânico, Boris Johnson, agradeceu na sua conta Twitter, todos "os serviços de emergência pela sua pronta resposta no incidente em Streatham, nomeadamente, a polícia que declarou que o incidente está ligado ao terrorismo".

O último ataque terrorista no Reino Unido data de 30 de novembro de 2019, quando um homem matou duas pessoas e feriu outras três com arma branca na London Bridge no centro de Londres. Ele foi abatido pela polícia.

Polícia britânica suspeita ataque terrorista no sul de Londres

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.