ESTADOS UNIDOS

EUA: Michael Bloomberg apoia Joe Biden

Joe Biden (esquerda) e Bernie Sanders (direita), os dois protagonistas do duelo democrata em curso nos Estados Unidos.
Joe Biden (esquerda) e Bernie Sanders (direita), os dois protagonistas do duelo democrata em curso nos Estados Unidos. © AFP/Arquivos

Nos Estados Unidos Michael Bloomberg desistiu hoje da sua candidatura para as primárias democratas para apoiar Joe Biden, e isto visando as eleições presidenciais de Novembro. Os resultados decepcionantes do antigo edil de Nova Iorque na chamada "Super terça-feira" que ontem se viveu nos Estados Unidos chegaram para que Bloomberg desistisse. 

Publicidade

Ele tinha conseguido liderar apenas um dos 14 Estados em causa ontem, as ilhas Samoa americanas.

O antigo presidente da câmara de Nova Iorque promete tudo fazer agora para garantir que Joe Biden se torne no próximo presidente.

Cada vez mais a corrida rumo à escolha de um candidato democrata se parece limitar a um duelo entre Joe Biden, ex vice-presidente de Barack Obama, e Bernie Sanders, senador do Vermont.

E isto não obstante se manterem, por ora, ainda na corrida duas candidatas, a senadora progressista Elizabeth Warren e Tulsi Gabbard, política do Hawai.

Neste contexto Biden é dado como favorito, quando até então o socialista Bernie Sanders parecia o melhor colocado.

Biden conseguiu, efectivamente, vencer em 9 dos 14 Estados em disputa nesta terça-feira, mas Sanders afirmou mesmo assim estar plenamente ciente de que seria ele a derrotar "o presidente mais perigoso da história deste país".

Ouça aqui.

Democratas americanos à procura de candidato para as eleições presidenciais

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI