Acesso ao principal conteúdo
Liga dos Campeões

Futebol: José Mourinho afastado da Liga dos Campeões europeus

José Mourinho, treinador português do Tottenham.
José Mourinho, treinador português do Tottenham. © REUTERS - ANNEGRET HILSE
Texto por: Marco Martins
3 min

Já são conhecidos os dois primeiros clubes apurados para os quartos-de-final da Liga dos Campeões: RB Leipzig e Atalanta. Quanto ao Tottenham de José Mourinho, o clube inglês foi afastado.

Publicidade

Os ingleses do Tottenham, comandados pelo treinador português José Mourinho, perderam na segunda mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões por 3-0 na deslocação ao terreno dos germânicos do RB Leipzig. Os golos foram apontados pelo avançado austríaco Marcel Sabitzer, que bisou, e pelo avançado sueco Emil Forsberg.

Com esta derrota, os pupilos de José Mourinho são eliminados da Liga dos Campeões visto que na primeira mão já tinha sido derrotados por 0-1 pela equipa alemã.

Em declarações aos jornalistas, José Mourinho admitiu que era complicada fazer melhor com os vários problemas que atravessa a equipa, com a ausência de três avançados - o sul-coreano Son Heung-min, o britânico Harry Kane e o holandês Steven Bergwijn -: «Claro que antes do jogo estava bastante positivo e é assim que tinha de estar, pois se não for assim o melhor é não vir. Estava positivo, motivei os jogadores. Todos acreditávamos, mas sabíamos que era difícil. Eles são muito fortes. Começámos o jogo e tivemos logo uma oportunidade no início. Depois eles vieram, cometemos erros e marcaram. Depois disso o jogo fica difícil. Têm jogadores com uma capacidade física incrível. Claro que mereceram passar, porque foram melhores. Nunca culpo jogadores. Estou com estes rapazes, porque jogam nos limites. Vou pelo global: deram o que podiam dar», concluiu o técnico luso.

Atalanta, primeira participação, primeiros quartos

Os italianos da Atalanta, que participam pela primeira vez na Liga dos Campeões, voltaram a vencer os espanhóis do Valência, deste vez por 3-4 em território espanhol. Os quatro golos italianos foram apontados pelo avançado esloveno Josip Iličić, com dois marcados de grande penalidade. Do lado do Valência, os tentos foram apontados pelo avançado francês Kevin Gameiro, que bisou, e pelo avançado espanhol Ferran Torres.

A Atalanta acabou por ultrapassar os oitavos-de-final algo facilmente visto que o clube italiano também tinha vencido na primeira mão por 4-1.

Em declarações à imprensa, o técnico italiano Gian Piero Gasperini mostrou-se feliz com este apuramento: «Estamos muito felizes por aquilo que este resultado representa para um território que está a sofrer tanto. Sabemos que muitas pessoas nos seguiram em casa e não podem sair para comemorar. Mas vamos ter tempo para o fazer em junho, no final do campeonato. Vamos ter uma grande festa para celebrar estas vitórias», concluiu o treinador transalpino.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.