UNIÃO EUROPEIA

União Europeia confrontada com cenário equivalente ao de uma guerra

Mário Centeno, líder do Eurogrupo, e ministro português das finanças
Mário Centeno, líder do Eurogrupo, e ministro português das finanças © AFP/Arquivos

A União Europeia alega que as economias dos 27 estão confrontadas com tempos semelhantes aos de uma guerra. Mário Centeno, ministro português das finanças, coordenador do Eurogrupo, fazia referência ao confinamento imposto a vários países por causa da pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

A União Europeia acelera as medidas e a coordenação da luta contra a propagação do coronavírus nos 27 estados-membros.

Os ministros europeus das Finanças discutem por videoconferência um plano para mitigar os efeitos económicos da epidemia.

O coordendor dos trabalhos da reunião do Eurogrupo, o português Mário Centeno, diz que a Europa está a viver num estado de emergência.

Numa declaração vídeo prévia à reunião do Eurogrupo, Centemo diz também que o confinamento forçado está a levar as economias a tempos semelhantes aos de uma guerra.

Por isso os ministros das Finanças acertam um plano de medidas para apoio aos sistemas de saúde para conter a epidemia e tratar os doentes.

O plano deverá incluir apoios à liquidez da economia, sobretudo para as PME (pequenas e médias empresas) e trabalhadores.

A União Europeia também se prepara para flexibilizar as normas do Pacto de Estabilidade para facilitar a despesa pública dos países afectados e também a atribuição de ajudas de Estado que os governos nacionais decidam para apoiar empresas em dificuldades.

Também os presidentes da Comissão e do Conselho Europeu participaram numa discussão com os líderes do G7 para coordenar a acção contra o coronavírus a nível global.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI