Brasil

Coronavírus assusta vários Estados do Brasil

Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, sob a ameaça do novo coronavírus
Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, sob a ameaça do novo coronavírus © rfi/Pierre Le Duff

No Brasil, o primeiro caso de Covid-19 foi confirmado a 25 de Fevereiro. Hoje são mais de 300 os casos confirmados. A primeira morte causada pelo vírus aconteceu nesta terça-feira em São Paulo. O presidente Jair Bolsonaro minimizou até agora a pandemia, mas os governadores e autarcas das cidades atingidas começaram a tomar medidas para evitar a aglomeração de pessoas. É o caso no Rio de Janeiro, segunda cidade com mais casos, 31 até agora.

Publicidade

Um carro de bombeiros circula na orla de Copacabana, tentando consciensalizar a população sobre os riscos de aglomeração de pessoas em tempo de pandemia.

Por enquanto, evitar a praia é so uma recomendação das autoridades locais, e muita gente não se dá conta do perigo.

Gustavo é vendedor ambulante. Passou a vender máscaras cirúrgicas. São sobretudo estrangeiros quem compram : "O Brasileiro tem vergonha de usar. A mulher tem vergonha, e o homem fala que é palhaçada", diz ele.

A cidade do Rio de Janeiro contabiliza 33 casos, mas esse número poderia chegar a 24 000 em um mês, se nada for feito, num Estado a onde a rede de saúde pública já vive uma grave crise. Então, o governador suspendeu por quinze dias aulas nas escolas e universidades publicas, feiras, espectáculos, jogos de futebol e sessões de cinema e teatro.

Confira aqui a reportagem do correspondente Pierre Le Duff no Rio de Janeiro.

Correspondência de Pierre Le Duff

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI