Acesso ao principal conteúdo
Coronavírus

Coronavírus: Situação «muito complicada» em Espanha para futebolista guineense

Em Espanha o confinamento é total e sob vigilância das autoridades.
Em Espanha o confinamento é total e sob vigilância das autoridades. © AFP - PIERRE-PHILIPPE MARCOU
Texto por: Marco Martins
5 min

A propagação do coronavírus pela Europa tem sido constante e os números são já assustadores visto que na Itália já há cerca de 3000 mortos, na Espanha já se ultrapassaram as 500 vítimas enquanto a França se aproxima das 300 mortes.

Publicidade

Em Espanha o coronavírus já causou a morte de 558 pessoas e infectou mais de 13 716, segundo os dados fornecidos pelas autoridades espanholas. É o segundo país europeu com a maior taxa de mortalidade.

Agostinho Antnio Masal, conhecido por "Neto", defesa guineense do Cacereño, cidade no Oeste do território espanhol, contou-nos como é viver em confinamento e o que tem feito durante estes dias, ele que também é estudante.

Agostinho Antonio Masal "Neto", futebolista e estudante guineense em Espanha

O futebolista guineense mostrou-se preocupado com a família que vive na Guiné-Bissau, ele que admitiu que na cidade onde vive há casos de coronavírus.

Agostinho Antonio Masal "Neto", defesa guineense do Cacereño

De referir que a Europa ultrapassou o número de mortos na Ásia: 3384 em território asiático contra mais de 3400 em todo o solo europeu.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.