Coronavírus

Covid-19 já fez mais de 9 mil mortes em todo o mundo

Covid-19 já fez mais de 9 mil mortes em todo o mundo.
Covid-19 já fez mais de 9 mil mortes em todo o mundo. Getty Images

A pandemia de Covid-19 já causou mais de 220 mil contágios e 9277 mortes em todo o mundo. Esta quinta-feira, a China registou o primeiro dia sem um único caso de transmissão local, já na Europa os casos multiplicam-se. Reino Unido anunciou o encerramento das escolas e universidades, foi último país da Europa a fazê-lo.

Publicidade

O primeiro-ministro Boris Johnson que estava sobre pressão, devido às "fracas" estratégias de combate ao novo coronavírus, disse que chegou a altura de agir, anunciando o encerramento das escolas e universidades no Reino Unido.

Espanha, em quarentena desde a semana passada, registou nas últimas 24 horas mais 169 mortos e 3.431 casos. O Ministério da Saúde espanhol espera atingir o "pico máximo" da epidemia do coronavírus daqui "a poucos dias" e pediu a continuação das medidas de "distanciamento social" lançadas pelo executivo.

Num discurso transmitido em directo, a chanceler alemã disse o país não enfrentava um desafio como este desde a Segunda Guerra Mundial. Angela Merkel reiterou que deposita toda a confiança nos investigadores que trabalham em contra o relógio para encontrar uma cura para a doença. A Alemanha que regista actualmente mais de 13 mil casos.

Já em Itália a situação continua ser dramática e o primeiro-ministro anunciou que o período de quarentena será prolongado até ao mês de Abril. As autoridades italianas estão preocupadas e teme-se que o número de mortes por coronavírus possa ser mais elevado do que China.

A China registou o primeiro dia sem um único caso de transmissão local em todo o país, um marco importante na luta contra este novo coronavírus.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI