Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Mica Pinto: «Fim da liga holandesa foi decisão certa porque o importante é a saúde»

Áudio 10:34
Terminou a temporada 2019/2020 na Holanda. Imagem de Ilustração.
Terminou a temporada 2019/2020 na Holanda. Imagem de Ilustração. © AFP
Por: Marco Martins

A pandemia de Covid-19 já causou a morte de mais de 4 800 pessoas e já infectou mais de 39 mil na Holanda, um país com pouco mais de 17 milhões de habitantes.

Publicidade

A Holanda é actualmente o sétimo país europeu com o maior número de mortes devido à pandemia de Covid-19 com 4 893 vítimas mortais e o oitavo no que diz respeito ao número de casos.

Nestas condições o Governo decidiu proibir todos os eventos desportivos, inclusive os jogos de futebol até ao início de Setembro.

Para Mica Pinto, defesa português que joga no Sparta de Roterdão na Holanda, a decisão das autoridades holandesas foi a melhor porque o importante é a saúde de todos.

O futebolista luso-luxemburguês, formado no Sporting Clube de Portugal, abordou também a sua história pessoal, o seu percurso até ao Sparta de Roterdão, e fez um ponto da situação do que se vive na Holanda, admitindo não estar com medo, mas sim com algumas preocupações no que diz respeito aos seus familiares.

CONVIDADO 02-05-2020

De notar que Michael «Mica» Gonçalves Pinto, defesa de 26 anos que nasceu no Luxemburgo, passou pela França, e por Portugal onde representou durante vários anos o Sporting CP, jogando actualmente na Holanda com as cores do Sparta de Roterdão desde Janeiro de 2020 após duas épocas e meia no Fortuna Sittard.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.