Acesso ao principal conteúdo
Alemanha/Caso Maddie

Alemanha: pedófilo é novo suspeito no caso "Maddie" desaparecida em Portugal em 2007

Nova pista no desaparecimento da menina britânica "Maddie", desaparecida em Portugal a 3 de maio de 2007. A polícia alemã anunciou esta quarta-feira (3/06) estar a investigar um novo suspeito, um cidadão alemão de 43 anos, pedófilo, que já foi condenado em vários casos e está actualmente preso.
Nova pista no desaparecimento da menina britânica "Maddie", desaparecida em Portugal a 3 de maio de 2007. A polícia alemã anunciou esta quarta-feira (3/06) estar a investigar um novo suspeito, um cidadão alemão de 43 anos, pedófilo, que já foi condenado em vários casos e está actualmente preso. AFP - HANDOUT
Texto por: RFI | António Cascais
2 min

Um cidadão alemão que vivia no Algarve, no sul de Portugal, em 2007, quando desapareceu a menina britânica "Maddie" McCann na altura com 4 anos, é suspeito do rapto da criança e está actualmente detido no seu país natal por outro crime, mas a polícia alemã admite que "Maddie" teria sido assassinada.

Publicidade

A Polícia alemã afirma que Madeleine McCann poderá ter sido assassinada por um cidadão alemão. 

O investigador Christian Hoppe, do Departamento Federal da Polícia Criminal da Alemanha, revelou que Madeleine McCann pode ter sido alvejada, quando o suspeito assaltava o apartamento da família e que possa estar morta.

O suspeito é cidadão alemão e tinha 30 anos, quando Madeleine desapareceu em Portugal. Actualmente o suspeito está a cumprir uma pena de prisão na Alemanha, devido a um crime sexual e tráfico de droga. Entre 1995 e 2007 o suspeito viveu ininterruptamente em Portugal, numa casa situada entre a Praia da Luz e Lagos.”

A menina inglesa – recorde-se - desapareceu poucos dias antes de fazer 4 anos, em 3 de maio de 2007, do quarto onde dormia juntamente com os dois irmãos gémeos, mais novos, num apartamento de um aldeamento turístico, na Praia da Luz, no Algarve.

A polícia alemã descreve o suspeito, hoje com 43 anos de idade, como um “criminoso profissional”, com antecedentes de muitos crimes como assaltos a casas, produção e venda de droga, assim como violações de crianças e mulheres idosas.

O “caso Maddie” está, de novo, a preencher as manchetes dos jornais e é notícia nos telejornais de Portugal, França, Reino Unido e Alemanha.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.