Acesso ao principal conteúdo
Estados Unidos

EUA: Administração Trump preparada para iniciar transição

Administração de Trump está preparada para começar o processo de transição
Administração de Trump está preparada para começar o processo de transição © AP
Texto por: RFI
2 min

A Administração dos Serviços Gerais informou o Presidente eleito Joe Biden que a administração de Trump está preparada para iniciar o processo de transição.

Publicidade

A notícia é avançada pelo canal de televisão CNN que teve acesso à carta que a administradora Emily Murphy enviou ao Presidente eleito Joe Biden.

A Administração dos Serviços Gerais, entidade responsável pelo processo de transição federal nos Estados Unidos da América,informou  o Presidente eleito Joe Biden que a administração de Trump está preparada para iniciar o processo de transição.

Esta carta é o primeiro passo que a administração toma para reconhecer a derrota de Donald Trump, duas semanas depois de Joe Biden se declarar vencedor das eleições de 3 de Novembro.

De acordo com a CNN, Emily Murphy refere que não sofreu qualquer tipo de pressão da Casa Branca para atrasar a transição e que a sua decisão foi tomada de forma independente "sem medo ou qualquer favoritismo".

A carta marca o início do processo de transição oficial, permitindo que funcionários da agência de administração actual coordenem com a nova equipa de Joe Biden e forneçam milhões em fundos governamentais para a transição.

Biden apresenta equipa

O presidente eleito apresentou, esta segunda-feira, alguns nomes que vão integrar a equipa governamental. Antony Blinken foi confirmado como Secretário de Estado e John Kerry será o Enviado Especial para o Clima.

O democrata indicou Alejandro Mayorkas para a Segurança Interna, Jake Sullivan foi nomeado Conselheiro de Segurança Nacional e Avril Haines assume o cargo de directora de Inteligência Nacional. Linda Thomas-Greenfield será embaixadora na ONU.

O Colégio Eleitoral de Michigan, um dos estados decisivos nas eleições presidenciais norte-americanas , certificou hoje a vitória do democrata Joe Biden naquele Estado, apesar das pressões de Donald Trump para atrasar este processo.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.