Acesso ao principal conteúdo
VIH/Sida

Luta contra a Sida prossegue durante a pandemia de Covid-19

Luta contra a Sida prossegue durante a pandemia de Covid-19.
Luta contra a Sida prossegue durante a pandemia de Covid-19. © ONUSIDA
Texto por: Marco Martins
6 min

O Dia Mundial Contra a Sida assinala-se a 1 de Dezembro. No entanto este ano a situação é diferente devido à pandemia de Covid-19.

Publicidade

 

No ano passado, dados divulgados pelo relatório ‘World AIDS Day Report’ revelam que 1,7 milhões de pessoas foram infectadas pelo VIH/Sida e 690 mil morreram com doenças relacionadas com a sida, sendo que 38 milhões de pessoas vivem com essa doença.

Com os avanços da medicina, os doentes podem viver com a doença se têm um tratamento e que a carga viral é baixa. Essas pessoas acabam por não serem contagiosas e terem uma vida normal.

No entanto é necessário ter acesso a essa medicamentação. Segundo dados recolhidos, oito doentes em dez foram diagnosticados com o vírus, sete em 10 tiveram acesso aos tratamentos e seis em dez controlam a doença. Mas esses números não são suficientes para erradicar a doença até 2030, o objectivo da comunidade internacional.

E a Covid-19 não ajudou e piorou a situação. Em França como em outros países, a pandemia de Covid-19 acabou por fazer ‘desaparecer’ as outras doenças, inclusive a Sida. Os programas de rastreio e de prevenção, bem como o acesso aos tratamentos têm sofrido das limitações que têm os cidadãos, com o confinamento, e o financiamento tem-se reduzido, visto que a maior fatia está direccionada para a luta contra o novo coronavírus.

A Onusida teme que haja mais mortos no próximo ano se a tendência não se inverter, visto que para além de terem a Sida, os doentes podem ser infectados pela Covid-19, isto sabendo que o novo coronavírus ataca o sistema imunitário, já enfraquecido pelo VIH/Sida. No entanto dados apontam que apenas os pacientes que não têm acesso a tratamentos é que correm mais riscos. Estudos estão a decorrer para definir exactamente a relação entre VIH/Sida e Covid-19.

De notar que a pandemia de VIH/Sida já provocou mais de 36 milhões de mortos no mundo.

Imagem de Ilustração.
Imagem de Ilustração. © iStock/Nito100

 

Crónica de Marco Martins 01-12-2020

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.