Andebol

Andebol: Portugal entra a vencer no Torneio Pré-Olímpico

André Gomes (direita), internacional português, marcou 7 golos frente à Tunísia.
André Gomes (direita), internacional português, marcou 7 golos frente à Tunísia. © AFP - SYLVAIN THOMAS

Portugal entrou a vencer no Torneio de Qualificação Olímpica ao derrotar a Tunísia por 34-27 na primeira jornada da prova que decorre em Montpellier, no Sul da França.

Publicidade

A Selecção portuguesa masculina de andebol procura apurar-se para os Jogos Olímpicos que vão decorrer em Tóquio no Japão. Para chegar aos JO, os portugueses têm de terminar nos dois primeiros lugares no Torneio de Qualificação Olímpica que se realiza desta sexta-feira ao domingo 14 de Março em Montpellier, no Sul da França.

Portugal, França, Croácia e Tunísia, eis os quatro países que vão lutar por dois lugares que dão acesso ao apuramento para o torneio de andebol masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

O Torneio começou nesta sexta-feira 12 de Março com a primeira jornada. Os portugueses defrontaram e venceram os tunisinos por 34-27 no ginásio Sud de France Arena em Montpellier.

Portugal entra com pé direito

Sem público, mas com muita emoção, assim se pode resumir este pontapé de saída para esta prova de qualificação para os Jogos Olímpicos.

Antes do início do encontro que se jogou à porta fechada devido à pandemia de Covid-19, houve um minuto de silêncio em homenagem a Alfredo Quintana que faleceu a 26 de Fevereiro.

A primeira parte foi dominada pelos portugueses que estiveram sempre na frente do marcador, tendo até cinco golos de vantagem (7-2) após 9 minutos de jogo.

A Tunísia reagiu e conseguiu reduzir o marcador até ficar a apenas 4 pontos de Portugal no intervalo (15-11).

Selecção lusa acelera na segunda parte

Os portugueses aceleraram logo no início da segunda parte, aumentando substancialmente o resultado até ter 8 pontos de vantagem (25-17) após 45 minutos de jogo.

Novamente no decorrer da segunda parte os tunisinos reagiram mas nunca conseguiram reduzir suficientemente o resultado para evitar a derrota.

Os portugueses venceram por 34-27. O melhor marcador português, e do encontro, foi André Gomes com 7 golos apontados.

Portugal conquistou dois pontos na luta por uma vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio. Na segunda jornada, neste sábado 13 de Março, a Selecção Portuguesa vai defrontar a Croácia.

Paulo Pereira, Seleccionador de Portugal 12-03-2021

Paulo Pereira, seleccionador de Portugal, estava satisfeito com o triunfo e lembrou que a prova não vai ser nada fácil: «Fomos muito capazes. Conseguimos cuidar de alguns pormenores. Um ou outro foi sempre preciso corrigir mas isto é fruto de termos tido muito pouco tempo de preparação. Ganhar por sete golos este jogo acho que é uma satisfação para todos nós. Não sabíamos muito bem como ia reagir a equipa tendo em conta todo o contexto que tivemos nas últimas semanas. Dar esta resposta neste primeiro jogo que é um jogo que se nós não estivéssemos bem, os tunisinos podem ganhar a qualquer equipa. Nós entrámos realmente bem, logo a abrir o jogo, com uma clareza que respeita as nossas intenções para este jogo. Conseguimos mais ou menos cumprir todo o plano sem grandes alterações e sem grande sofrimento. O facto de toda a gente marcar, o facto de toda a gente participar, se calhar poupamos um bocadinho de energia. Tudo isso para nós é óptimo. São três jogos e não é fácil tendo em conta que não temos treinado muito e podemos eventualmente pagar a factura pouco a pouco. Mas acredito que vamos esta bem outra vez (ndr: frente à Croácia). Tudo pode acontecer, nós estamos a jogar contra a Croácia e a França, duas das melhores selecções do mundo. Uma coisa é certa, se nós conseguirmos alguma coisa aqui de bom, não é só graças a nós», concluiu.

De notar que no outro encontro, a França derrotou a Croácia por 30-26. Os franceses e os portugueses lideram após a primeira jornada com dois pontos.

Recorde-se que os gauleses participaram em 7 olimpíadas e foram duas vezes campeões olímpicos - 2008 e 2012 -, os croatas estiveram presentes em 5 e venceram dois títulos olímpicos - 1996 e 2004 -, e os tunisinos apuraram-se quatro vezes para a prova olímpica sendo que o melhor resultado foi um oitavo lugar em 2012 em Londres.

A única Selecção que nunca participou nos Jogos Olímpicos é Portugal. De notar que Portugal não vai poder contar com o luso-cabo-verdiano Gilberto Duarte, o guarda-redes Humberto Gomes e o luso-cubano Alexis Borges, todos lesionados.

«Por Portugal, Por Ti»

Este é o lema de Portugal para o Torneio Pré-Olímpico, visto que a Selecção lusa perdeu recentemente o guarda-redes Alfredo Quintana.

Alfredo Quintana, guarda-redes luso-cubano de 32 anos, faleceu na sexta-feira 26 de Fevereiro após uma paragem cardio-respiratória. No treino do FC Porto, o 'gigante’, nascido em Cuba, de 2,01 metros, caiu inanimado e esteve 45 minutos em paragem cardio-respiratória. Após vários dias no hospital, o internacional português que participou no último mundial no Egipto acabou por falecer.

Alfredo Quintana, guarda-redes do FC Porto com quem foi seis vezes Campeão de Portugal, venceu uma Taça e duas Supertaças, também representou a Selecção Portuguesa com a qual terminou no 6° lugar no Europeu de 2020 e no 10° lugar no Mundial de 2021.

De notar que Alfredo Quintana, que tinha representado Cuba no Mundial de 2009, obteve a nacionalidade portuguesa em 2014, ele que chegou em 2010 a Portugal para representar o FC Porto, sendo o primeiro cubano a actuar no campeonato luso.

A Selecção Portuguesa de Andebol.
A Selecção Portuguesa de Andebol. © Cortesia Federação de Andebol de Portugal

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI